Márcia Ramos
Fazer poesia é derramar amor sobre uma folha de papel em branco!
CapaCapa
Meu DiárioMeu Diário
TextosTextos
E-booksE-books
FotosFotos
PerfilPerfil
Livros à VendaLivros à Venda
Livro de VisitasLivro de Visitas
ContatoContato
LinksLinks
Textos





O Carnaval acaba hoje... Como será amanhã?

No mesmo momento em que vejo tantas pessoas alegres no carnaval, sinto o meu coração tão triste. Por que será?
Será que sou mais sensível, por ser uma poetisa ou realista demais?
A resposta eu não sei, mas uma coisa é certa; Calar-me, jamais!
Não posso me esconder atrás de uma máscara e esquecer que a minha cidade está de pernas para o ar!
Não posso fechar os olhos e ignorar que ‘arrastões’ acontecem por todo o canto, a qualquer hora, apavorando os turistas estrangeiros e as pessoas que moram aqui.
Não posso me calar vendo famílias enterrando seus entes queridos, enquanto o povo faz de conta que está tudo bem.
Não está tudo bem... Está tudo péssimo!
O Rio de Janeiro está à deriva!
O Prefeito, que deveria tomar conta da cidade, foi para o exterior! Abandonou, literalmente, o barco!
O ‘Reforço das Forças Armadas’ prometido pelo Governador, não foi visto, principalmente, nos maiores pontos turísticos da cidade.
Um aeroporto foi invadido por foliões! Onde estavam os seguranças? E se fossem terroristas?
Tanto se falou para o povo utilizar o Metrô e o BRT, mas, cadê o bom funcionamento desses serviços? Atrasos de quase uma hora na espera dos trens, que saem abarrotados gerando brigas e confusão. O mesmo com o BRT, que aliás, diariamente passa por esse problema.
Como podemos estar felizes? Como ignorar tanto descaso e incompetência?
O povo precisa ser unir! Não podemos conviver com tanta insegurança e impunidade!
Precisamos lutar!
Lutar pelo direito de andar em segurança nas ruas, pelo futuro dos nossos filhos e netos, pelo resgate do Rio antigo e principalmente, pela possibilidade de voltar a sonhar!
Mostremos nossa insatisfação indo às ruas, fazendo canções, escrevendo, noticiando... O que não podemos, é ficar de braços cruzados para um perigo iminente. Hoje, quem morreu foi um desconhecido, amanhã, poderá ser eu ou você!
O Carnaval acaba hoje, amanhã, você estará de volta à triste realidade! Para que se enganar!
Bebidas, sexo e drogas são momentos... A sua vida vale muito mais que isso!
Esse artigo é apenas uma reflexão. Não tenho nada contra os foliões e o Carnaval, que aliás, é fonte de renda para o Turismo e os autônomos que lutam pela sobrevivência.
Quando tudo isso acabar, espero que os governantes enxerguem que precisam TRABALHAR em prol da sociedade! O Estado e a Prefeitura precisam se unir!
O policiamento ostensivo é a maior prioridade nesse momento, no Rio de Janeiro! Bandido tem que ficar atrás das grades e não, soltos nas ruas!
Por favor, mostrem serviço! Valorizem cada voto recebido e suas mordomias!

Márcia Ramos




Visitem: 
https://www.facebook.com/marcia.ramos.142

Obrigada pela visita.
Márcia Ramos
Enviado por Márcia Ramos em 13/02/2018
Alterado em 14/02/2018
Copyright © 2018. Todos os direitos reservados.
Você não pode copiar, exibir, distribuir, executar, criar obras derivadas nem fazer uso comercial desta obra sem a devida permissão do autor.


Comentários